A bicicleta não é apenas uma ferramenta de transporte, mas um meio de emancipação, uma arma de libertação. Liberta o espirito e o corpo das inquietudes morais e das doenças físicas do mundo moderno, da ostentação, da convenção e da hipocrisia aonde a aparência é tudo, mas não somos nada. By Paul de Vivie



segunda-feira, 17 de outubro de 2016

Pedal de Domingo

Fazia tempo que não pedalava com o Lucas, então aproveitamos o belo dia que fez ontem e fomos dar um rolezinho.




Pedalzinho show, boa variação de altimetria, cobrança do Lucas para voltar a malhar e o mais importante: sem dor nas costas... 


domingo, 9 de outubro de 2016

Curitiba - Colombo - Bocaiuva do Sul - Colombo - Curitiba

Pois é, não iria ficar esperando 1 mês para pegar liberação pra exercício.
To com uma dor nas costas, fazendo tratamento e não me aguentei.
Junto com o Leandro, fizemos o pedal do titulo.


Tava um dia lindo e queria aproveita-lo.




Confesso que me ferrei. Imaginei que estaria melhor fisicamente, porém, me deu umas câimbras fudidas, mais empurrando a magrela, do que pedalando na volta, mas não me tirou o sorriso de pedalar novamente.
Chegando em casa, tomei um banho, descansei um pouco e fui ao encontro de amigos no Quermesse com minha pequena, recarregar as energias com uma ou outras cervejas geladas que me recomporam muito bem.



Na sequencia, fomos ao encontro de um primo da Paulinha que tem alambique, que estava expondo no mercado municipal e me fez experimentar suas excelentes cachaças, que chama Terra Vermelha. uma delicia. 

Dia perfeito. Pedal, cerva, cachaça e principalmente amigos e família.
Bom, amanha tem RPG dou um jeito nas costas e da-lhe treino dopo.

Geral na dona Eleonor

De novo, mas desta vez muito necessário.
A relação dela estava fazendo muito barulho, por causa do pedal da Sereia, então mãos a obra.
O estado que estava a relação.


O maldito furo na volta da sereia, detalhe que o que furou ficou preso no plastico do remendo. 

Como novo, da-lhe detergente e limão.


Aqui um gambiarra, pra juntar a corrente, tirei com o saca corrente, pra limpa-la melhor e ao coloca-la, peguei um clips grande e fiz este "U" para ficar segurando a corrente enquanto conectava a corrente. Ajudou pacas.



Fiz toda a função num canto do condomínio que não incomoda ninguém, e a doce pequena me clicou fazendo a bagunça.



E por causa desta limpeza, postura e falta de disciplina no funcional, me deu um puta mal jeito nas costas, que me afastaram de tudo por 1 mês.
Sim, to ficando velho também, o que me preocupou e muito, mas já to no RPG - Reeducação Postural Geriátrica- como diz um amigo e jajá tenho liberação para voltar a ativa.
Ou não... 


Trilha bosque no Sereia - 03.Set.2016

Neste dia Saímos eu e Lucas Emílio, para nos encontrarmos com Jopz no Monar - la no Sereia - e fazermos umas trilhas por la, que ele faz com os dog todo final de semana.
Como de costume meu strava não funcionou, então peguei o do Lucas.



Estava muito bom o pedal, sem chuva, sem vento, temperatura bem agradável.





O bosque com a trilha.



Filminhos que fizemos la.


"... não adianta que ta gravando..."aushdausdhasudhasudhasudahsdusahd


 

Fizemos trilhas em outros lugares, por sugestão do Jopz e no final ficou assim as magrelas:

Na ultima trilha, fiz a cagada de passar numa poça que fudeu com a relação da eleonor, fazendo com que a volta fosse uma barulheira só.
Tentei limpar com um pano que achei e passar óleo, mas não adiantou nada, só uma geral na relação futuramente.
Saindo desta trilha, começou a chover e não parou mais, viemos debaixo de chuva da Sereia até em casa, mas com vento a favor, foi rapido a chegada até o Barigui.
Faltando uns 5 km pra eu chegar em casa, vi que o pneu dianteiro furou, com uma puta preguiça, passei em 3 postos daonde vi o furo ate em casa e cheguei pedalando e deixei pra trocar dopo.
Show de pedal, que com certeza repetiremos, mas de carro, pra aproveitar so o bosque.

Ponte dos Arcos - Pedal dia 23.jul.2016

E ai pessoal.
Minha vida ta uma correria so, tenho pedalado, to de castigo por causa das costas - conto mais tarde, mas vou atualizar o blog.
No dia 23 de Julho eu mais Leandro fomos a ponte dos arcos, por um caminho que fazia tempo que eu não passava.
Pegamos ate o primeiro pedágio da 277 em São Luiz do Purunã ate o rio da morte e de la ate a ponte.
Estava podre aquele dia, tinha ido num happy hour de uns amigos, mas mesmo assim fui pedalar.
Cazzo, o que empurrei a magrela, nao tava escrito, mas consegui finalizar o pedal.


Como meu strava não é o original, não funciona lá estas coisas, e neste pedal não foi diferente, ele cortou uma boa parte do percurso, mas consegui salvar em duas partes.





No fim pedalei 155,72 km em quase 12 horas,


segunda-feira, 27 de junho de 2016

Limpeza Eleonor

Faz tempo, desde o ultimo pedal com ela.
Iria num com o Leandro, mas por motivos pessoais - Lucas - não deu pra ir.
No domingo acordei inspirado e fui dar um trato na Giant.



E eu estava bem inspirado, pois a bicha estava muito suja.

Peguei meu kit de limpeza, que consta:
  • WD-40;
  • Graxa marrom;
  • Desengraxante Biologico;
  • Oleo para corrente;
  • Buchas, panos e
  • Escova de dente, escova, pincel e a gambi para limpar corrente.




No final, depois de 1h e 30m, ficou essa belezinha.

Agora é guardar e tentar ter perna pra suja-la novamente...